Também fomos à Feira do Livro

Hoje saímos em expedição até à Feira do Livro. Levávamos água e capacetes camuflados para enfrentar o mar de gente e todos aqueles volumes histéricos. Na verdade, tenho dificuldade em comprar livros na Feira do Livro, porque gritam demasiado alto. As capas avançam ameaçadoras mal entramos no recinto e, lamentavelmente, tenho que usar a minha metralhadora.

Depois de aniquilados os livros, eu posso concentrar-me no verdadeiro propósito. É que, a Feira do Livro é, na verdade, um evento social. Todo o nosso passado e futuro passeia tranquilo pela feira, empurrando carrinhos de bebé ou comendo gelados na relva. Dizemos ‘olá’, acenamos. E, sentamo-nos também, observando o movimento com binóculos. Depois os miúdos pedem o volume 7, 19 e 32 da coleção que andam a devorar, nós compramos – claro –  porque não poderíamos nunca negar-lhes cultura, e voltamos para casa com a sensação de dever cumprido. Para o ano há mais.

(Imagem: Leituras estivais com Grace Kelly)

tumblr_nlg5apLGdD1rrnekqo1_1280

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s